Regime tributário: qual o ideal para a sua clínica médica

Regime tributário: qual o ideal para a sua clínica médica

 em Contabilidade para área da saúde, Contabilidade para comércio

Descubra qual o regime tributário mais vantajoso para a sua clínica médica

Evite prejuízos em sua clínica médica adotando a tributação correta!

É muito difícil avaliar, de forma geral, como tem sido o faturamento de clínicas médicas durante todo esse tempo de pandemia, e por mais que o seu negócio seja considerado essencial para a sociedade, a grande verdade é que as pessoas estão com um receio muito grande de sair de casa e o fazem somente quando é realmente necessário.

Em outras palavras, talvez aquele exame de rotina seja adiado para uma outra oportunidade, fazendo com que você, médico(a), busque alternativas para divulgar o seu negócio e continuar proporcionando serviços de excelência aos pacientes.

Sendo assim, e com todo este cenário de incertezas econômicas, é bom ficar atento(a) com relação a um aspecto muito importante em sua contabilidade: o regime tributário.

Sim, por mais que você tenha obtido êxito na sua escolha nos momentos iniciais de abertura da empresa, talvez a tributação selecionada já não reflita mais a realidade do seu negócio.

Logo, qual seria o regime tributário ideal para a sua clínica médica?

Isso é o que você irá descobrir ao longo deste artigo!

Aproveitamos para desejar uma ótima leitura!

Qual o regime tributário ideal para a sua clínica?

A adequação da sua clínica ao regime tributário que representa a sua realidade é fundamental para garantir que você não tenha prejuízos mês após mês com o pagamento de mais impostos do que o necessário.

Dito isso, é muito importante ter um controle efetivo, ao menos anual, para que você entenda quando será necessário fazer algum tipo de alteração.

Quando falamos em regime tributário para clínicas médicas, existem 3 opções disponíveis, sendo elas:

  • Simples Nacional;
  • Lucro Presumido;
  • Lucro Real.

De uma forma bastante simples e objetiva, podemos afirmar que o aspecto mais relevante para a adequação de uma clínica a uma dessas tributações é o seu faturamento bruto anual.

Exemplificando de maneira didática, podemos dizer que para fazer jus ao Simples Nacional, no caso de uma MicroEmpresa, o faturamento anual não pode ultrapassar o valor de R$ 360 mil, e já no caso de uma Empresa de Pequeno Porte, o limite é de R$ 4,8 milhões.

Quando falamos em Lucro Presumido, temos uma ampliação considerável do limite de faturamento bruto anual, sendo de R$ 48 milhões.

Por fim, quando o assunto é Lucro Real, estamos falando de grandes empresas e corporações com receita bruta anual acima de R$ 78 milhões.

Conte com a Martins Alves!

Para a escolha adequada, você deve contar com o apoio de especialistas que avaliem a situação tributária da sua clínica médica e te orientem para as melhores tomadas de decisão.

Conosco, da Martins Alves, isso é plenamente possível, visto que somos uma contabilidade especializada em regime tributário para clínicas médicas e dispomos dos melhores profissionais contábeis do mercado para prestar todo o apoio que você precisa, organizando as suas demandas de forma impecável.

E foi pensando em você que disponibilizamos um canal exclusivo de comunicação, para que você possa tirar todas as suas dúvidas com um de nossos consultores.

QUERO OBTER SUCESSO EM MINHA CLÍNICA!

Postagens Recomendadas

Deixe um Comentário

Recomendado só para você
Saiba o passo a passo para montar a sua clínica…
Cresta Posts Box by CP
Inicie Hoje Mesmo A Sua Clinica Medica E Tenha Autonomia Para Lucrar A Curto Prazo Contando Com Processo Adeministrativos Com Maestria Post 1 - Martins AlvesDescubra Como Funciona A Tributacao Monofasica Para Comercio Post - Martins Alves